O primeiro Museu de Bonsais das Américas

home

Mais de 100 Bonsais em exposição, cultivados há mais de
25 anos pelo empresário e bonsaísta
Francisco Carlos Corrêa.

O primeiro Museu do Bonsai das Américas é lançado em Minas Gerais pelos empresários Francisco Carlos Corrêa e Cornélio Walter Corrêa.

Inaugurado com a realização de um importante Congresso Internacional de Bonsai, nos dias 24 e 25 de maio de 2014, o espaço está localizado na entrada do Thermas Internacional de Minas Gerais, às margens da BR 040, em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG) e foi construído de acordo com os padrões da arquitetura japonesa, sendo que alguns bonsais da exposição estão entre os melhores do mundo, conforme avaliação de especialistas internacionais.

“Comecei o plantio mais para embelezar um parque aquático. Hoje o bonsai virou uma das minhas paixões. A arte milenar nos ensina a ter mais paciência, humildade, disciplina e a respeitar a natureza”, acrescenta o bonsaísta Francisco Carlos Corrêa.

O evento de inauguração e o congresso internacional de bonsais contou com palestras internacionais e a presença de representantes de 8 países e 16 estados brasileiros.

São disponibilizados aos visitantes diversas opções de mudas para aquisição e cultivo do próprio bonsai.

O museu tem entrada franca e funciona de terça a domingo, das 8h às 17h30. Para os interessados em utilizar as dependências do clube, além da visitação ao Museu, o ingresso para o acesso ao clube custa R$90,00. Crianças até 5 anos não pagam. Os visitantes indicados por sócios pagam R$70,00 e têm direito ao uso das áreas externas do clube.

Fotos: Alex Mota | Anchor Multimídia